quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Pagas e não bufas

Esta semana, saí cedo de casa, para ir fazer uma transferência bancária.
Quando estava para introduzir o cartão, reparei que a máquina Multibanco dizia = em manutenção = 
Como estava numa dependência do Banco, e estava na hora de atendimento ao público, dirigi-me ao balcão pois a transferência, tinha um caráter urgente.
Dirigi-me a um funcionário muito novo ainda, e muito concentrado também no seu trabalho.
Depois de lhe explicar que tinha muita urgência em fazer aquela transferência. A minha filha, estava à espera daquele dinheiro para pagamento de propinas e outras despesas.
Simpáticamente respondeu:
- Posso fazer-lhe a transferência, mas vai ter custos. Informou!
- Mas, eu não tenho culpa, que a caixa multibanco não funcione. As contas são deste mesmo banco. Respondi!
- Mas estas, são as nossas regras, retorquiu
Parece-me que seria lógico, o banco fazer aquela transferência, dado que a máquina estava avariada ou em manutenção. 
O tão apregoado serviço de atendimento ao cliente ficou apenas no papel e, os meus pontos de vista, não coincidiram com os do funcionário do banco.
«Se queres ...pagas...e...não bufas!»
Saí porta fora e fui procurar outra caixa multibanco.
Não sustento chulos que nos sacam os últimos cêntimos.