sábado, 11 de abril de 2015

Um dia de Abril

Fotografia

Um dia de Abril
Olhei da janela
E procurei por ti.
Quis ver-te
Ouvir-te
Falar-te
Talvez até beijar-te.
Cresceu a saudade
Na dor que me deu 
E sem poder saciá-la 
Soltei minhas mãos
Que perdidas e loucas
Por mim se cruzaram,
E me percorreram
Em gestos de nada.
Neste meu delírio
Nem sei se foram as minhas
Ou se foram as tuas
Que tudo fizeram 
Que me abraçaram.
Foi apenas um beijo
Que por nosso desejo
Os lábios selaram.
luiscoelho
Abril/2015