sexta-feira, 2 de abril de 2010

Alqueire

Posted by Picasa
Com esta medida os antigos lavradores mediam as suas sementes na eira.
Feijão, milho,tremoços, trigo e centeio, cevada ou grão de bico. 
No final de cada colheita ficavam satisfeitos quando conseguiam armazenar muitos alqueires de todos os produtos.
Os agricultores abastados eram aqueles que recolhiam para si e para vender nas feiras ou mercados grandes quantidades .
Mais tarde começaram a vender os cereais ao peso.

12 comentários:

  1. Passei para te desejar uma feliz Páscoa junto da Família e envio-te meia dúzia de alqueires de amêndoas, chocolates e abraços...Pode ser?
    Beijão
    Graça

    ResponderEliminar
  2. Querido amigo Luís,

    Lembo-me de ver essa medida na casa dos meus avós paternos, porque se vendia muito milho e não só.

    Belos tempos.

    Uma Páscoa muito Feliz com saúde, paz e amor.
    Muitas amêndoas ou chocolatinhos, ou ainda ambos e um abração.

    ResponderEliminar
  3. O que posso desejar para você?

    Que as verdadeiras amizades continuem eternas
    e tenham sempre um lugar especial em nossos corações.
    Que as lágrimas sejam poucas, e logo superadas.
    Que as alegrias estejam sempre presentes
    e sejam festejadas por todos.
    Que o carinho esteja presente em um simples olá,
    ou em qualquer outra frase, ou digitada rapidamente.
    Que os corações estejam sempre abertos para novas amizades,
    novos amores, novas conquistas.
    Que Deus, esteja sempre com sua mão estendida,
    apontando o caminho correto.
    Que as coisas pequenas como a inveja ou o desamor,
    sejam retiradas de nossa vida.
    Que aquele que necessite ajuda encontre
    sempre em nós uma animadora palavra amiga.
    Que a verdade sempre esteja acima de tudo.
    Que o perdão e a compreensão superem as amarguras e as desavenças.
    Que este nosso pequeno mundo virtual seja cada vez mais humano.
    Que tudo o que sonhamos se transforme em realidade.
    Que o Amor pelo próximo seja nossa meta absoluta.
    Que nossa jornada de hoje esteja repleta de flores.

    Feliz Páscoa

    Um abraço do amigo Eduardo Poisl

    ResponderEliminar
  4. Páscoa significa renascimento, renascer.
    Desejo que neste dia, em que nós cristãos,
    comemoramos o seu renascimento para a vida eterna,
    possamos renascer também em nossos corações.
    Que neste momento tão especial de reflexão
    possamos lembrar daqueles que estão aflitos e sem esperanças.
    Possamos fazer uma prece por aqueles que já não o fazem mais,
    porque perderam a fé em um novo recomeçar,
    pois esqueceram que a vida é um eterno ressurgir.
    Não nos deixe esquecer
    que mesmo nos momentos mais difíceis do nosso caminho,
    tú estás conosco em nossos corações,
    porque mesmo que já tenhamos esquecido de ti,
    você jamais o faz.
    Pois, padeceste o martírio da cruz em nome do Pai
    e pela humanidade,
    que muitas e muitas vezes esquece disso.
    Esquecem de ti e do teu sacrificio
    Quando agridem seu irmão,
    Quando ignoram aqueles que passam fome,
    Quando ignoram os que sofrem a dor da perda e da separação,
    Quando usam a força do poder para dominar e maltratar o próximo,
    Quando não lembram que uma palavra de carinho, um sorriso,
    um afago, um gesto podem fazer o mundo melhor.
    Jesus…
    Conceda-me a graça de ser menos egoísta,
    e mais solidário para com aqueles que precisam.
    Que jamais esqueça de ti e de que sempre estarás comigo
    não importa quão difícil seja meu caminhar.
    Obrigado Senhor,
    Pelo muito que tenho e pelo pouco que possa vir a ter.
    Por minha vida e por minha alma imortal.
    Obrigado Senhor!

    Poesia de Páscoa

    ResponderEliminar
  5. Nunca tinha visto essa medida conhecia de nome claro, mas desconhecia-a visualmente.
    dou-te muitos alqueires de paz, e saude,
    beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Quero lhe dizer meu amigo, que aprecio tudo que se relaciona à cultura local.
    Aprecio a forma como o amigo relata os sentimentos e a alma portuguesa.
    Desejo de coração, longa vida a ti e aos teus.
    Meu abraço fraterno, meu apreço.

    ResponderEliminar
  7. Gostei de ler o seu texto, que me remeteu à vivência da minha adolescência.
    Em minha casa, em Trás-os-Montes, para medir os cereais, havia a rasa (medida correspondente ao alqueire), a meia rasa e a quarta.
    Os cereais eram guardados em grandes arcas de madeira, de onde eram vendidos directamente aos compradores.
    Feliz Páscoa

    ResponderEliminar
  8. Luis
    Lembro-me bem dessa medida...recordar é viver.
    deixo o meu carinho e desejo uma Páscoa Feliz, junto de todos os que te são queridos.

    Beijinhos
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  9. Venho mais uma vez ao seu blog para bisbilhotar as suas postagens,
    para agradecer sua visita e comentários e também para desejar ao amigo uma boa Páscoa, com paz e saúde.

    Um grande abraço,
    Pedro.

    ResponderEliminar
  10. Me deu um leve saudosismo de novo com este post, maravilha. Então amigo eu sei pque parece um débil beija flor, querendo apagar o incendio da floresta só levando gostas de água no bico, mas sei que em minha caminhada vou encotrar umuitos beija flor em minha volta quem sabe. Uma Páscoa maravilhosa, sabe aki no Japão não tem Páscoa, tem uma cultura religiosa difeterente, eu respeito e comemoro me meu coração.
    com carinho
    Hana

    ResponderEliminar
  11. Caros Amigos
    Obrigado a todos
    Que a vossa Páscoa seja ainda melhor que imaginaram ou prepararam.
    Que o Homem Novo - O Ressuscitado - nos abrace a todos numa amizade de Paz e Fraternidade, Saúde e alegria.

    ResponderEliminar
  12. Olá Luís!
    Essa medida de alqueire trás muitas recordações à memória, dos tempos da casa dos meus avós.
    Mas lembro-me, ainda, duma outra peça associada ao uso da mesma, que era a "rasoira", um pau arrendado que era passado sobre os rebordos daquela para assegurar que a medição era correctamente feita - nem a mais, nem a menos.
    E lembro-me, também, da expressão, nada elogiosa, "não ter os alqueires bem medidos".
    E tenha uma boa Páscoa, com muitos folares docinhos!
    Um abraço.
    Vitor

    ResponderEliminar

Cada comentário é uma presença de amizade