quinta-feira, 15 de julho de 2010

Este medo

Posted by Picasa

Há um medo que me segue
Me fustiga e me persegue.
Se na sombra me escondo
E ao terror já não respondo
Rapidamente me encontra
E outros medos apronta.
Não sei se é medo de amar
Se é a tristeza a dobrar.
Não sei se chore ou cante
Nem de nada neste instante.

Este medo me arrasta
E sem razões me desgasta
Não sei se me liberta
Ou se a alma  me aperta
Nesta vida reprimida 
Que passa numa corrida
Sei que não posso fugir
Nem mesmo se lhe mentir
Esta passagem da vida
Só vale quando é vivida
luíscoelho