sábado, 3 de maio de 2014

Para ti Mãe

(poema de Luís Coelho e fundo fotográfico de Joaquim Duarte Silva)


30 comentários:

  1. NO todos los días se escribe un poema tan lírico y amoroso a la madre. Bello y emotivo. UN abrazo. Carlos

    ResponderEliminar
  2. As mães sempre serão merecedoras das mais belas palavras... Lindo poema.
    Um enorme abraço!!!

    ResponderEliminar
  3. Que linda e tão merecida homenagem! abração,.chica

    ResponderEliminar
  4. Bela homenagem, Luis!
    Sem dúvida, os ensinamentos são a melhor herança que os nossos pais nos podem deixar.

    Bom Domingo.

    ResponderEliminar
  5. ~ L i n d o! ~ C o m o v e n t e! ~

    ~ É arte, amor e ternura no mais puro e supremo estado.

    ~ ~ ~ A b r a ç o . ~ ~ ~

    ResponderEliminar
  6. Gostaria de ter a tua capacidade para expressar de uma forma tão bela o teu amor filial.

    ResponderEliminar
  7. Comovente, sentido e saudoso poema que qualquer filho gosraria de subscrever.
    Um abraço,
    Jorge

    ResponderEliminar
  8. Um belo poema, onde ressalta o amor filial, e uma sentida e saudosa homenagem.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  9. Caro Luís

    Gostei muito deste seu poema tão sentido e cheio de amor que dedica à sua Mãe
    e associo-me a si nesta homenagem.

    Grande abraço

    Olinda


    ResponderEliminar
  10. ~ Quero desejar-lhe um Domingo sereno e feliz.
    ~ É um dia em que se misturam as saudades com as alegrias presentes.

    ~ ~ ~ Beijinhos. ~ ~ ~

    ps ~ Procurei o seu e.mail e não o encontrei, lamento.

    ResponderEliminar
  11. Há uma canção do José Afonso...
    Diz-me tal canção, que não tenho nada, que a tendo perdido, sou pobrezinho...
    É verdade, e ainda me lembro do tempo em que a olhando tinha tudo e com um beijo e um sorriso, ficava rico...

    Lei de alto teu poema
    Talvez minha mãe também o oiça
    e finja aceitar que são meus
    os versos teus

    ResponderEliminar
  12. Estimado Amigo e Ilustre Romancista Luís Coelho
    Linda e bela homenagem a todas as Mães do Mundo.
    Por cá este dia se festeja no segundo domingo de maio e na Tailândia, dia 12 de agosto, dia de aniversário da Rainha.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  13. Linda homenagem! Eu como mãe de dois belos jovens agradeço o parabenizo por tão belas palavras.

    ResponderEliminar
  14. Olá Luis,

    Lindo poema homenagem. Versos ternos e plenos de sentimento e saudade. Com certeza, essa
    homenagem chegou até sua mãe, que sorriu diante de tão doce carinho.
    O cartão ficou um encanto.

    Ótimo domingo.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  15. Olá Luis,
    Um lindo poema, uma linda homenagem...
    De onde esteja sua mãe ela sorriu com esse seu carinho.
    Belo cartão!
    Aqui o Dia das Mães é dia 11 domingo que vem.
    Abraço!
    Ótimo domingo!

    ResponderEliminar
  16. Lindo poema á mãe dedicado!
    Amigo Luís datilografou
    De rosas vermelhas um braçado
    Com carinho e amor perfumou!

    Satisfeitas as suas vontades!
    De bom sempre tenham de tudo
    Desejo saúde, paz e felicidades
    Para todas as mães no mundo!

    Tenha uma boa tarde amigo Luís, um abraço.
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  17. Amigo Luís Lindo poema de homenagem à mãe neste dia da mãe, mãe é e será sempre mãe esteja ela aonde estiver.
    Um abraço
    Santa Cruz

    ResponderEliminar
  18. Ola
    Vim conhecer seu cantinho.
    Estarei postando com o felis.
    Adorei o aconchego daqui.
    beijos

    ResponderEliminar
  19. ESO POEMAS A LA MADRE, ME CONMUEVEN MUCHO.
    UN ABRAZO

    ResponderEliminar
  20. Um belo poema muito especial como só as mães merecem, adorei também a fotografia, tantas belas rosas, aqui no Brasil final de semana que vem é que será comemorado o dias das mães, abraços Luconi

    ResponderEliminar
  21. Dei ontem o meu beijinho à minha mãe.
    O Dia da Mãe em Macau comemora-se na próxima semana

    ResponderEliminar
  22. Olá Luís!
    Parabéns pelo poema! Um hino de amor filial. As nossas mães permanecem vivas no nosso coração. Um abraço amigo.

    ResponderEliminar
  23. Incomparável a sabedoria das mães. O tempo sempre as coroa com sílabas de razão e pétalas de sublime adoração.

    Lindo o seu "postal"

    Beijo meu!

    ResponderEliminar


  24. Pensemos en nuevas metas, hagamos planes, programemos sueños siempre en positivo, en negativo nunca, dañan los sentimientos propios y de quienes navegan a nuestro lado...ღ

    Todas las personas debiéramos ser como la Luna; destinada a dar luz, o como el sol, que con la magia de su calor acaricia y posee diariamente…ღ

    Un abrazo de luz para ti
    y un feliz comienzo de semana
    cultivando pensamientos...ღ

    Atte.
    María Del Carmen ღ





    ResponderEliminar
  25. Gostei desse seu gesto carinhoso para com sua mãe!

    Boa noite

    ResponderEliminar
  26. Hola Luis, me uno a esas bellas letras a la Madre.
    Un gran beso de ternura
    Sor.Cecilia

    ResponderEliminar
  27. Vejo que por fim foi possível, a tua mãe merece-o!
    Já te disse o que penso: um grande gesto, o sentir dum filho ao qual dói o silencio da sua ausência: sei o que isso é!
    Um grande abraço, amigo meu

    ResponderEliminar
  28. Um poema sentido com aquela emoção que só o amor de um filho que reconhece o valor da própria mãe pode causar.Belíssima composição,meu abraço e apreço a ti!

    ResponderEliminar
  29. *Gostei do poema que fizestes para a tua mamãe, querido amigo Luís !!!
    Menino, amor de mãe é ÚNICO !!!
    Ah, bonito o fundo com as rosas vermelhas feito pelo teu amigo Duarte !
    Parabéns a ambos !!! :))

    ResponderEliminar

Cada comentário é uma presença de amizade