sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

2010

Amanheceu devagar
E o vento soprou com dureza
Na chuva a lavar a terra
Mas trouxe ao coração a certeza 
E o desejo de muita paz.
Nossos olhos se fixaram 
Na busca de mais amor 
Acordaram com o frio da manhã
Fugindo sempre da dor.
A esperança amanheceu
Mais suave e musical 
Afagou as cordas dos pensamentos
De belo som divinal 
O Sol foi surgindo amarelado
Despedindo-se do Ceu estrelado
Como um sonho foi ficando
Neste desejo de um Ano Novo
Mais próspero e renovado
luiscoelho