domingo, 19 de abril de 2009

Esta fotografia estava guardada. Hoje quis mostrar as minhas romãs. Costumam estar maduras no fim do Verão e são deliciosas. Os ramos pendem para o chão dando-lhe uma graça natural e uns bicos bem aguçados protegem estes frutos que saltam à vista pela cor rosada. 
Se não forem colhidas na altura certa elas rebentam e mostram o seu interior vermelho vivo onde os pardais e as pegas matam a fome e a sede.
Aquele sabor adocicado é muito gostoso e uma sobremesa de romã nunca se recusa.
Estão presentes em todas as nossas saladas de frutos, de alface com tomate, de cenoura e ainda a enfeitar aquelas tartes para o lanche do domingo à tarde.
Também se abrem e se comem simplesmente e com muito agrado.
Uma vez por acaso não é crime.
Este ano podei os ramos mais baixos e parece que ficou mais bonita a romanzeira.
Espero que floresça e dê muitos frutos saborosos.