sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Fim de semana

Como é bom este fim de semana
Voltar a casa, ao jardim, às flores.
Anda no ar um aroma suave e leve
Já perfumado de agradáveis odores.
Todos partiram deixando-nos a paz.
Em cada canto encontro o silêncio,
Traduzido nos sons dos sapatos,
Cadenciado, pesado ou apressado
No murmúrio animado de sons cordatos.
O nosso silêncio e as nossas conversas
Sobre os temas e também os dilemas
Que nos falam de tantos problemas
Carregados de vidas e coisas diversas.
Em casa encontramos amor e calor.
Nossos olhares se trocam e se chocam
Na busca de tudo e procura de nada
Indagando as coisas concretas
Que nos faz amar os acordes do silêncio
E adormecer no canto das rosas perfumadas
Nas perguntas sem respostas nunca certas.
luiscoelho