domingo, 23 de agosto de 2009

O meu amor se escondeu
Me abandonou e fugiu.
Queria que me dissesse
O que foi que ele viu
Pois tão cedo me largou
Neste penar que entristece.
Se vivo só para ti
Bem ligado ao teu amor
Não me uses e abuses
Me causando maior dor
Neste vida tão tecida
Por suplícios e cruzes.
Não tens culpa se te amo
Pois de ti eu sei fugir
Talvez um dia acordes
E o meu amor venhas pedir.
Nesse dia saberei
Porque andaste a fugir.
luiscoelho