quarta-feira, 11 de novembro de 2009

viver o momento

Deixei-me levar nas correntes do vento
Apressadas, suaves, lentas e estridentes
Subindo, subindo até deixar este mundo
Amando e vivendo sem qualquer alimento
Ou sofrendo acordado nas horas do tempo
Que passa e gira muito rapidamente.
Se eu pudesse fugir cavalgando este vento
Ou pudesse agarrá-lo, amarrando-o a mim
Nunca mais sentiria tão profunda agonia
Que me lembra e me mostra que tudo tem fim
Neste voar dos dias amando com alegria
Ou sofrendo nas quedas que cabem em mim
Jamais faria o tempo parar. Viveria o momento !
luiscoelho